Depressão

Eu definitivamente não sei lidar com ela. Ela é grande. E barulhenta. Eu diria que conseguiria vê-la de longe. E por mais que eu veja a quilômetros de distancia, quando ela de fato encosta em mim, eu não sei o que fazer. Eu simplesmente volto a estado fetal e ali fico. Deitado. Imóvel. Entregue.

Aos poucos eu fui melhorando. Creio eu. Talvez não. Mas eu fui ao menos vendo que era possível não ficar tanto tempo entregue. Tanto tempo imerso nela. Mas era difícil.

No começo era muito mais fácil me entregar. Ela tem um abraço quente e quase que não me sinto sozinho. Ela me faz companhia de um jeito tão gostoso que acredito que estou na companhia de meu melhor amigo. E talvez tenhamos ficados amigos. Mas ela não minha amiga.

Talvez tenha sido. Mas não é mais. Eu não a quero mais como amiga. Hoje eu vejo um pouco claramente ainda, como ela não queria meu bem. E isto é a base pra uma amizade, não é?! Então, decidi mudar. Decidi não ter mais esta amizade pra mim.

Mas ela sempre vem bater a minha porta. Ela me quer de volta. Sente minha falta. Ela volta sempre me implorando perdão e dizendo que vai melhorar. Que agora vai cuidar de mim. As vezes eu acredito. As vezes não. E isso já é bastante. Dizer não, mesmo que só algumas vezes, já é um começo.

Talvez seja hoje apenas uma colega. Que por vezes nos encontramos. Mas que evito.

Anúncios

About Luis Renato dos Santos

Um eterno crítico viciado em coisas boas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Autocritica

Textos fictícios de uma vida real. Sempre me critico com a mesma veemência que me idolatro. A autocritica já faz parte da minha vida.
%d bloggers like this: